Relacionamentos amorosos! Uma das bases primordiais para a felicidade do ser humano.

A Pirâmide de Maslow, nos mostra a hierarquia das necessidades humanas para que alcancemos a felicidade . Atualmente o AMOR, nos relacionamentos não é mais levado em consideração, fazendo assim com que mais e mais pessoas sintam-se insatisfeitas e infelizes.

O sexo casual que se tornou muito comum nos dias de hoje, causa somente sofrimento e acúmulo de energias negativas nas pessoas. O prazer do momento gera o arrependimento do dia seguinte, gerando angústia e ansiedade, pois sempre se fica a espera de uma telefonema ou uma mensagem que nunca chega.

 

Quando se consegue conquistar o relacionamento tão almejado, falta paciência, sabedoria, fidelidade,  e tantas outras qualidades que é necessário ter para manter o relacionamento. Falta “regar a plantinha”.

Já está mais que na hora de pensarmos e agirmos de maneira coerente com nossos sentimentos.

É um tremendo engano achar que sexo atrai relação. O que atrai uma relação,  é cumplicidade, conversa boa, interesses parecidos e vontade mútua de se relacionar.

Além da felicidade que o AMOR correspondido traz, uma relação amorosa, também traz, satisfação sexual, energia positiva e prosperidade.

Vamos Amar!!!

Sexo com AMOR é muito mais gostoso!

“Sexo é uma troca, bom para os dois, complementar no nível de doação.

Sexo é se doar além da imaginação.

É colocar o outro como mais importante que eu.

É amar o outro mais que a mim mesmo.

É dar carinho e atenção sem medidas.

É estar atento às suas necessidades.

É estimular o outro sempre e cada vez para um nível mais alto.

É propiciar o crescimento e evolução constante do outro em todas as áreas.

É amar sem limites, sem tabus e preconceitos.

É ter bom humor o tempo todo.

É viver como o poeta.

É estar aberto a novas ideias, novas abordagens, novas músicas, novos livros…

É dar mais que receber.

É escutar o outro quando tem problemas.

É aconselhar sem impor.

É deixar o gozo do outro ser mais importante que o seu.

É olhar no olho.

É sorrir sempre para o outro.

É nunca se cansar da presença do outro.

É conversar e se realizar pela própria conversa.

É servir de “escada” para o crescimento do outro.

É chorar junto.

É rir junto.

É conversar sem fim.

É saber que o amor é a coisa mais importante da vida.

É ser “canal” do amor do Pai para o outro”

 

Deixe uma resposta