35 coisas que você vai se arrepender de não ter feito quando era mais novo

1. Não viajar quando teve a chance.

Viajar torna-se infinitamente mais difícil quando você fica mais velho você, especialmente se você tem uma família e precisa pensar no sustento de mais de três pessoas em vez de apenas você mesmo.

2. Não aprender outro idioma.

Aprender uma nova língua é mergulhar em uma nova cultura. Dá trabalho, mas é gratificante. E, novamente, é muito mais fácil se dedicar a esse aprendizado quando existem menos responsabilidades. Mas lembramos que sempre é tempo para aprender coisas novas.

3. Ficar em um relacionamento ruim.

Tudo tem seu tempo. Relacionamentos devem ser benéficos para todos os envolvidos. Prender-se a um relacionamento abusivo é perda de tempo, e muitas vezes você só vai perceber isso quando o momento já tiver passado.

4. Passar protetor solar.


Rugas, marcas de sol e câncer de pele podem ser evitados em grande parte se você se proteger. Afinal, todos queremos envelhecer bem!

5. Ir aos show das suas bandas favoritas.

“Ah cara, fica pra próxima… vou assistir o show do Nirvana na próxima turnê.”

6. Ficar com medo de fazer as coisas.

O conselho é simples: não tenha medo de sair da sua zona de conforto.

7. Ser sedentário

Muitos de nós gastamos o pico do vigor físico de nossas vidas no sofá. Quando você atingir 40, 50, 60 e além, você sonhará com o que você poderia ter feito com toda aquela energia e saúde.

8. Deixar-se definir pelo que os outros pensam.

Poucas coisas são tão tristes como uma pessoa idosa dizendo: “Bem, isso não foi feito porque naquela época…”.

9. Não sair de um trabalho terrível.

Sim, você tem que pagar as contas. Mas se você não faz um plano para melhorar sua situação, você pode acordar um dia tendo passado 40 anos no inferno.

10. Não se esforçando mais na escola.

Não são só suas notas que desempenham um papel na determinação de onde você acaba na vida. Eventualmente, você perceberá como era bom era passar o dia todo aprendendo, e pensará “gostaria de ter prestado mais atenção”.

11. Não percebendo o quão bonito você é.

Muitos de nós passam a juventude infeliz com a forma como nos olhamos. Ame a si mesmo desde agora. E, se você acha que precisa mudar, não perca tempo. Cuide-se.

12. Medo de dizer “eu te amo”.

Quando você for velho, você não se importará se o seu amor não tiver sido correspondido – apenas que você tenha feito sua parte e ficado bem consigo mesmo.

13. Não escutar o conselho de seus pais.

Você não quer ouvir isso quando você é jovem, mas a verdade é que a maioria das coisas que seus pais dizem sobre a vida é verdade.

14. Gastar sua juventude de maneira egoísta.

Você ficará envergonhado com isso.

15. Dar muita atenção ao que outras pessoas pensam.

Em 20 anos, você não vai se preocupar com nenhuma dessas pessoas com quem você se preocupou hoje.

16. Apoiar os sonhos dos outros por sua conta.

Apoiar os outros é uma coisa linda, mas cuidado: será que os outros estão dando o mesmo apoio para os seus sonhos? E sobre você mesmo: o que você tem feito pelos próprios sonhos?

17. Não avançando com rapidez suficiente.

Ter prioridades é importante. Não deixe que seu tempo se vá com coisas supérfluas. Procure sempre progredir.

18. Guardando rancor, especialmente com aqueles que você ama.

19. Não ter prestado serviços voluntários

Aproximar-se do final da vida sem ter ajudado o mundo a se tornar um lugar melhor é uma grande fonte de tristeza para muitos.

20. Desprezar seus dentes.

21. Conversar com seus avós.

A maioria de nós percebe muito tarde quão bom é ter seus avós por perto.

22. Trabalhando demais.

Ninguém olha para trás de seu leito de morte e deseja ter passado mais tempo no escritório.

23. Não aprender a cozinhar uma refeição incrível.

Conhecer uma refeição digna de drool fará com que todos aqueles comensais e celebrações sejam muito mais especiais.

24. Não parar o suficiente para apreciar o momento.

Os jovens estão constantemente em movimento, mas parar e apreciar os bons momentos também é importante.

25. Falhar ao terminar o que você começa.

“Eu tive grandes sonhos de me tornar uma enfermeira. Eu até me inscrevi para as aulas, mas depois … ”

26. Deixar-se definir pelas expectativas culturais.

Jamais permita que eles lhe digam: “Nós não fazemos isso”.

27. Recusando-se a a aceitar que amizades acabam.

As pessoas se separam. Pessoas mudam. Situações também.

28. Não brincar com seus filhos o suficiente.

Quando você for velho, perceberá que seu filho passou de querer brincar com você para querer sair com os amigos/namorada num piscar de olhos.

29. Nunca correndo um grande risco.

Saber que você correu um grande risco e fez aquilo que queria – mesmo caindo de cara no chão – pode ser reconfortante quando você olhar para trás.

30. Não desenvolver uma boa rede de contatos.

Ter uma boa networking pode parecer uma porcaria quando você é jovem, mas, mais tarde, torna-se claro que é assim que muitos empregos são conquistados.

31. Preocupar-se demais.

Como Tom Petty cantou, “a maioria das coisas que eu me preocupo nunca acontecem de qualquer maneira”.

32. Ficando preso no drama desnecessário.

Quem precisa disso?

33. Não passar tempo suficiente com seus entes queridos.

Nosso tempo com nossos entes queridos é finito. Faça valer a pena.

34. Ter medo de se apresentar em público.

Isso não é um arrependimento para todos, mas muitas pessoas idosas gostariam de , pelo menos uma vez – saber o que é ficar diante de uma multidão e mostrar seus talentos.

35. Se arrepender por não agradecer.

Deixe uma resposta